FANDOM


Mais sobre este artigo:
Filme logo1 Vídeos selecionados

Uma objeção ateísta consiste na afirmação de que "ateus só querem pecar".[1]

Esta objeção é ruim por vários motivos:

  • Mesmo que fosse verdade, a objeção não demonstra que Deus existe; trata-se de um ataque à legitimidade de crença, não de existência.
  • Aparentemente não há uma defesa legítima da objeção, i.e. não foi realmente verificado se um número significativo de ateus rejeitam a existência de Deus com o simples propósito de ficarem livres para cometer atos que a fé cristã condena como pecado. Sabe-se que alguns ateus o fazem, e.g. o jornalista ex-ateu Lee Strobel cometou em seu livro "Em Defesa da Fé":[2]. De modo geral, portanto, a objeção não possui razão suficiente para ser crida, podendo talvez ser válida apenas em casos específicos onde fica de alguma maneira comprovado que a objeção é verdadeiro no que diz respeito a um indivíduo em específico.

Por fim, tal objeção apenas dá motivos para ateus fazerem chacota dos religiosos.[1]

Referências

  1. 1.0 1.1 You just want to sin (em inglês). Iron Chariots Wiki. Página visitada em 16 de fevereiro de 2011.
  2. Em defesa da fé, pg. 176-177.


Objeções comuns contra ateísmo e teísmo

Ad blocker interference detected!


Wikia is a free-to-use site that makes money from advertising. We have a modified experience for viewers using ad blockers

Wikia is not accessible if you’ve made further modifications. Remove the custom ad blocker rule(s) and the page will load as expected.