FANDOM


Mais sobre este artigo:
Filme logo1 Vídeos selecionados

O argumento da falta de sentido na palavra "Deus" é um argumento que afirma que a palavra "Deus" nunca foi definida com sentido e, portanto, ela não descreve nenhum ser que exista (ou que não exista igualmente).[1] Trata-se de um argumento que baseia-se na antiga filosofia do positivismo lógico, sendo que o argumento deste consiste numa versão do argumento da falta de sentido na palavra "Deus".

Avaliação Edit

O argumento é ruim porque a palavra "Deus" já foi definida com sentido, e trabalhos renomados já foram feitos defendendo isso - como a obra The Coherence of Theism, de Richard Swinburne.[1]

Conclusão Edit

Atualmente, com os trabalhos de Swinburne e outros e com a popularização das noções profissionais de Deus através da Internet, deixando-a acessível a um número significativo de pessoas, alegar que a palavra "Deus" não faz sentido é sinônimo de ignorância, pouca pesquisa ou ainda falta de capacidade de entender conceitos filosóficos simples.

Referências

  1. 1.0 1.1 Craig, William Lane. Defining “God” (em inglês). ReasonableFaith.org. Página visitada em 26 de abril de 2011.


Argumentos contra o Teísmo

Ad blocker interference detected!


Wikia is a free-to-use site that makes money from advertising. We have a modified experience for viewers using ad blockers

Wikia is not accessible if you’ve made further modifications. Remove the custom ad blocker rule(s) and the page will load as expected.